Corte militar não sai de moda

Assim como o undercut, o corte militar já mostrou que não vai sair de moda tão cedo. Muito usado durante o verão e considerado fácil de cuidar, o corte de cabelo é muito usado entre os homens mas muitos não sabem quais cuidados devem ter.

O corte militar teve como inspiração justamente os soldados norte americanos da primeira grande guerra, onde tinha a lateral do cabelo raspado com máquina e o e volume menor na parte de cima. Mostrando então, a praticidade e facilidade de manter o cabelo enquanto estava em batalha.

blog.shop4men.com.br/corte-militar-nao-sai-de-moda

Quais tipos de cabelo? 

O corte militar tem funciona bem com a maioria dos cabelos, tanto com o liso, cacheados e ondulados. Contudo, para os dois últimos, o cuidado que deve ser tomado é com o volume da parte de cima, já que com ele maior, deixa de ser o corte característico.

Vantagens:

Considerado um corte prático, o militar é uma das aquisições feitas pelos homens principalmente no verão, proporcionando então maior frescor durante o calor. Além disso, não atrapalha a visão e não cria oleosidade na testa. Então, o corte de cabelo é sinônimo de praticidade e facilidade para aqueles que não querem se preocupar muito.

Como cuidar?

Por ele ser um corte baixo, a manutenção dele geralmente é feita uma vez por mês na barbearia ou cabeleireiro, para conseguir manter o perfil militar. Independente do volume, seu cabelo apresenta características dele próprio, como por exemplo o “pe quadrado”. Então, use shampoo e condicionador próprio para seu cabelo.

DICA: Esse corte faz com que caspas e descamação do couro fiquem mais evidentes , por isso se tiver tendência em ter caspa, use shampoo anti-caspa ou uma loção. Além disso, o corte militar também possibilita o estilo arrepiado, podendo então ser usado com cera ou gel.

Sem Título-1

1: Shampoo Anti-Caspa Combat Keune

2: Cera Modeladora Hard to Get Bed Head

3: Tonico Anti-Caspa Anti Dandruff Tonic

Pedro Tricta

2 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *